23 de Julho de 2009
Quero encaminhar essa notícia para...

Publicada em 09/12/11

Match Race do Brasil avança no Mundial de Vela e mantém chance de vaga olímpica

Brasil já garantiu duas vagas olímpicas no evento disputado em Perth, na Austrália

O trio formado por Renata Decnop, Gabriela Sá e Larissa Juk conseguiu avançar à fase final da disputa do Match Race Feminino do Mundial de vela de Perth 2011 (ISAF Sailing World Championships) nesta quinta-feira (8). As meninas tiravam vários "coelhos da cartola" na raia de Inner Harbour e continuam na briga por uma vaga olímpica, em Londres-2012.

De fato, as atletas do Grupo A reverteram um começo ruim na competição, com quatro bons matchs, vencendo as equipes da China, Argentina e Canadá. A única derrota foi para a Dinamarca, na linha de chegada. Com isso, o trio da comandante Renata Decnop garantiu vaga na fase final da competição da modalidade que faz sua estreia olímpica em Londres 2012.

"Nós fizemos tudo certo. Mesmo no match que perdemos foi por um detalhe e na súmula está uma diferença de zero segundo. Estávamos mais confiantes e mesmo depois de sairmos sempre na frente e perdermos muitos matchs de maneira boba na segunda-feira, sabíamos que daria para velejar de igual para igual coma as melhores do mundo. Agora zera tudo e vamos com a faca nos dentes", relata a determinada proeira do time Larissa Juk.

Como parte do programa de solidariedade olímpica as atletas do Match Race Feminino fizeram um treinamento intensivo neste ano e os resultados começam a aparecer. "Evoluímos muito nos últimos seis meses. Ter os barcos da classe Elliott 6M no Brasil, técnicos, fisioterapeutas, psicólogo e uma equipe de suporte por trás, nos deu uma estrutura que permitiu esse nível. Ainda falta mais experiência, mas sem o apoio da CBVM e do COB este seria um sonho impossível. Vamos buscar a vaga em Londres", atesta Larissa Juk, que torce para que a outra equipe nacional, da comandante Juliana Senfft, também passe para a próxima fase.

O Brasil já conta com duas vagas na vela na Olimpíada de 2012. As meninas da RS:X e Laser Radial, respectivamente, Patrícia Freitas e Adriana Kostiw, fizeram nesta quinta suas primeiras regatas na flotilha ouro de suas classes.

Redação Eagora