23 de Julho de 2009
Quero encaminhar essa notícia para...

Publicada em 06/03/18

Problemas À Vista Em Portugal

Imbroglio na concessão da Publicidade Exterior de Lisboa promete esquentar

A discussão jurídica sobre o imbróglio na concessão da Publicidade Exterior da cidade de Lisboa promete esquentar mais ainda depois da mudança do resultado, desclassificando a empresa MOP e dando a vitória para a JCDecaux.

A MOP, que já contestou a eliminação, promete fazer "tudo o que esteja ao seu alcance para que seja reposta a veracidade. Demore dois meses ou 50 anos". A empresa pretende impetrar uma medida cautelar para tentar parar a adjudicação à JC Decaux, declarada vencedora após a exclusão.

O próximo passo seria pedir ao tribunal uma indenização superior a 200 milhões de euros, compreendendo os 126 milhões da proposta feita (8,4 milhões por ano ao longo de 15 anos), com mais de 50 milhões necessários para instalar o novo mobiliário urbano. Além disso, irá pedir o valor dos ganhos que estimava obter com o negócio. Somados, serão mais de 200 milhões.

Jorge Luiz Mussolin